logoNova017

 

INTRANET | WEBMAIL
       aemerj@aemerj.org.br
 Av. Rio Branco 245, 20º andar
 21 2544-2561 / 21 2544-2348 
Centro  CEP - 20040-009

PREFEITURA MUNICIPAL DE QUATIS

Rio de Janeiro 16/01/2019

Sob a coordenação da Defesa Civil do Município, e com o apoio da Secretaria Municipal de Obras, Urbanismo e Serviços Públicos, além da Secretaria Municipal de Meio Ambiente, a Prefeitura de Quatis realizou, no decorrer de 2018, o plantio de mais 200 mudas de flores em duas praças do Centro da cidade (foto). Foram elas: Praça dos Expedicionários (onde se localiza a banca de jornal) e Praça Getúlio Vargas, a praça da Igreja Matriz de Nossa Senhora do Rosário. O balanço foi divulgado nesta semana pela Defesa Civil.

O prefeito Bruno de Souza (MDB) reafirmou o plantio de flores nas praças do Município “como outra ação importante realizada com o objetivo de embelezar os logradouros, contribuir para a preservação do meio ambiente e ampliar o trabalho de conscientização junto aos moradores a respeito da importância de conservar os espaços públicos”. Ao longo do ano passado, entre as mudas de flores plantadas nas duas praças (Getúlio Vargas e dos Expedicionários), estão as seguintes: trepadeiras, tapete, barba de bode, malva, pingo de ouro, costela de adão, palmeira fênix e onze horas, entre outras.

- Em setembro de 2017, a nossa administração já tinha plantado 120 mudas de flores nas mesmas praças. Daquela vez, fizemos o plantio de várias espécies, como lantana, cravina, hipisco, rosa do deserto e tarjet. Com as flores plantadas no ano seguinte, isto é, em 2018, passamos, portanto, de 300 mudas de flores nas praças principais do nosso Município. Temos a consciência de que precisamos plantar muito mais flores, e em muitas praças da nossa cidade, e vamos continuar trabalhando neste sentido, pois essa medida proporciona benefícios importantes para o dia a dia da cidade, o meio ambiente e a própria saúde da população – declarou o prefeito.

Especialistas apontam que o cultivo de flores contribui para melhorar a qualidade do ar, reduzindo a quantidade de gases tóxicos; eliminam substâncias que causam dificuldades respiratórias e irritação nos olhos; diminui o estresse; e ajuda a melhorar o humor das pessoas, entre outros benefícios importantes ao meio ambiente e à saúde da população. A OMS (Organização Mundial da Saúde) recomenda que cada cidade deveria ter pelo menos 12 metros quadrados de área verde por habitante plantados em seus respectivos territórios, o que reforça ainda mais a importância do plantio de flores e árvores pelos municípios.

A coordenadora da Defesa Civil da Prefeitura de Quatis, Juliana Reis da Silva, explica que, no caso das flores plantadas de janeiro a dezembro de 2018, grande parte das mudas foi doada ao órgão pela própria população. Outras vieram de descartes feitos pelos moradores. Ela reforça o pedido aos moradores de Quatis para que ajudem a administração municipal a preservar não só as flores, “mas também os serviços de jardinagem realizados pela prefeitura nas praças da cidade, além de conservar os equipamentos públicos destes logradouros”.

No ano passado, todo o trabalho de plantio foi acompanhado também pelo engenheiro Ângelo Vilela Costa, assessor da Defesa Civil. As flores plantadas estão sendo cuidados diariamente por um funcionário da Secretaria de Obras, Urbanismo e Serviços Públicos do Município. A proposta do setor é dar continuidade este ano ao plantio de flores nas praças de Quatis, motivo pelo qual a prefeitura está solicitando doações de mais mudas.

As pessoas interessadas em doar as mudas flores devem se dirigir à Defesa Civil do Município, que funciona de segunda a sexta-feira, de 8 às 17 horas, no Centro Administrativo da Prefeitura de Quatis, ou deixa-las nas próprias praças com o servidor Helder Paulo de Oliveira Andrade, o “seu Paulo”, funcionário encarregado dos serviços de jardinagem nas praças do Centro.

AEMERJ pelos Municípios